05 janeiro 2016

Diana: os implantes são vitalícios?

Olá!

Chamo-me Diana, tenho 36 anos e estou a ponderar fazer cirurgia de aumento mamário.
Tenho lido os testemunhos no blog e há uma questão sobre a qual ainda não li que é sobre a vida útil dos implantes.
Na consulta que tive no hospital da Prelada informaram que a paciente que põe implantes tem de ter a noção que provavelmente terá de substitui-los ao final de 15/20 anos.
Esta informação coincide com diversa informação presente na internet, nomeadamente nos sites de algumas marcas, e ainda no site da sociedade de cirurgia plástica.
Contudo tenho amigas que fizeram a cirurgia de aumento e dizem que os implantes são vitalícios, o que me causa estranheza.
O que me pode dizer acerca deste assunto?

Obrigado!



Purple Butterfly:

Diana,

do que tenho lido/ouvido, não são vitalícios. Os mais recentes são mais duradouros (também depende das marcas!), mas não há ainda evidencias de que poderão ser vitalícios... Idealmente deve-se controlar o estado do implante e do peito anualmente. Ao fim de 10/15 eu recomendaria que fosse avaliado com um cirurgião se há ou não necessidade de trocar.

Espero ter ajudado!

1 comentário:

João Nunes da Costa disse...

Olá Diana,

Os implantes mamários que são colocados hoje em dia têm maior perfil de segurança e resistência do que antigamente, e algumas marcas inclusivé fornecem garantia contra a sua ruptura durante alguns anos. Se colocou próteses mamárias há 10-15 anos, esse modelo poderá não ter as mesmas características das que são usadas agora e pode eventualmente merecer uma avaliação em consulta. Actualmente, se não houver qualquer complicação, não há indicação para revisão das próteses modernas apenas "porque sim", tem de haver algo que justifique a cirurgia, seja ruptura ou qualquer outra complicação, como contractura capsular, assimetria ou ptose (queda da mama).
No entanto, a taxa de complicações devido à colocação de próteses vai acumulando ligeiramente ao longo dos anos, pelo que não é raro haver necessidade de revisão a longo prazo. No entanto, a cirurgia de aumento mamário é um procedimento seguro, desde que feito por um Cirurgião Plástico credenciado.

João Nunes da Costa
Cirurgião Plástico