29 janeiro 2015

Marta: help! muitas dúvidas

Bom dia Meninas,

Tenho seguido este blog já há algum tempo, normalmente não sou muito «participativa» em blogues costumo seguir e ver os comentários que vão deixando, e é por gostar tanto dos comentários que tenho visto aqui que decidi participar desta vez.
Tenho 30 anos, e um filho de 2, desde que me conheço com maminhas que sempre achei que eram demasiado pequenas e sempre tive complexo com isso, tanto na praia, como no dia a dia, e tal como todas aqui as alternativas que uso até hoje são os push-up que acabam por dar algum volume mesmo que fictício, como eu costumo dizer «sim o algodão engana!».
Acontece que de todas as vezes que toquei no assunto de fazer mamoplastia de aumento nunca recebi qualquer apoio que me incentivasse, pelo contrário.
Em casa diziam-me que quando engravidasse as mamas cresciam imenso, a amamentar a mesma coisa e que depois ficavam melhores porque não ficariam tão pequenas.
Tudo mentira!!!! Na gravidez praticamente não aumentaram, só durante a amamentação aumentaram um pouco, mas como dei de mamar 11 meses elas só não desaparecem de vez porque não calhou!!! O que me deixa naturalmente bastante frustrada.
Por cada comentário que li aqui das meninas que recorreram à operação e que apesar do medo inicial e do pós operatório doloroso se sentiam nas nuvens lindas e poderosas deixa-me muito contente e com incentivo para levar a minha vontade de tantos anos para a frente.
A verdade é esta, a minha família não apoia muito por receio da cirurgia em si, mas tenho a certeza que no dia em disser vou fazer, a minha mãe é a primeira a apoiar.
O meu marido desde os tempos de namoro que falo nisto e ele não apoia porque diz ser muito caro e com esse dinheiro íamos de férias! Sim é o que ele costuma dizer…. Eu fico pior que estragada e normalmente acaba o assunto para não haver discussão, contudo tenho a certeza que se o fizesse ele ia ficar doido! porque ninguém pode negar que os homens gostam de mamas.
Por outro lado eu tenho espelho em casa e sei que sou bonita e tenho um corpo bonito, com exceção das mamas claro, porque a falta delas deita-me tudo por terra…. Pelo menos é essa a sensação que tenho.
Depois de toda esta apresentação, tenho algumas dúvidas que eu peço que me esclareçam antes de pegar no carro e fazer 2 horas de viagem até ao Porto para falar com o Dr. Ribeirinho Soares.

- Na clinica do Dr. Ribeirinho Soares como funciona o procedimento após a cirurgia? Ficamos internadas a primeira noite e depois? Para tirar os pontos e os drenos as meninas que moram longe do Porto como fizeram?
- Para quem quer voltar a ser mãe, depois da cirurgia sabem quanto tempo é aconselhável ficar sem engravidar?
- Depois da cirurgia feita e de tudo lindo e maravilhoso J quanto tempo levou até se sentirem «normais», isto é, como se as novas maminhas já estivessem aí desde sempre?
- A cirurgia com anestesia geral fica sensivelmente em 3500€ e a minha questão é: Depois de colocadas as próteses podemos ficar com elas para sempre ou têm de trocadas obrigatoriamente passado determinado período de tempo?  Caso tenham de ser trocadas isso implica ter de pagar nova operação?
- Em termos de prevenção de cancro de mama conseguem fazer a apalpação normal do peito para ver se detetam alguma caroço ou seguem algum procedimento diferente devido às próteses?
- Na privacidade com maridos/namorados acham que é como se o peito fosse natural ou nota-se a diferença?

Estas são as dúvidas que ainda me assombram ainda e preciso da vossa ajuda para fazer o ultimato em casa e seguir rumo ao Porto concretizar o meu sonho J

Peço desculpa se fui muito longa na minha exposição mas obrigada por lerem este comentário e por me ajudarem, e assim que conseguir colocar as tão desejadas maminhas venho a correr contar como foi J

Obrigada,
Beijinhos

Sem comentários: