02 novembro 2008

Aumentar o peito sem cirurgia ou silicone

Já chegou a Portugal uma nova técnica para aumentar os seios (e outras zonas do corpo) sem necessidade de recorrer a cirurgias.
Chama-se Macrolane e dirige-se á mulher que quer fazer uma remodelação, ficando com um peito mais bonito e preenchido e menos caído. Segundo dizem, a aplicação é fácil, rápida, segura e praticamente indolor.
Resume-se a uma injecção dada com a ajuda de uma pequena anestesia local. Outra vantagem é o facto de, passada meia hora após a intervenção, pode retomar as actividades normais. Apesar de simples, o tratamento só deve ser realizado por profissionais de medicina.



O Macrolane é fruto de aprofundadas investigaçõesno campo da genética e resulta da criação, em laboratório, de uma molécula existente no corpo humano, derivada do ácido hialurónico, razão pela qual é perfeitamente tolerada pelo organismo.
A grande desvantagem prende-se precisamente com a semelhança entre esta molécula e a existente no nosso corpo, uma vez que facilita a sua absorção gradual, e resulta numa diminuição do volume, em 40 por cento, num período de dois anos. Nesta altura, se pretendido, poderá submeter-se a nova intervenção.

Esta técnica não vai permitir obter resulados semelhantes, em termos de volume, aos do implante de uma prótese mamária. Destina-se à mulher que tem as mamas pequenas e pretende um ligeiro aumento.
É dirigido à mulher que quer fazer uma remodelação, para a mama ficar mais bonita, mais preenchida e menos descaida.

Por não ser uma cirurgia, tem todas as vantagens de ser um procedimento mais simples e ainda é muito mais barato, mas é importante que não hajam ilusões em relação aos resultados imediatos e a longo prazo...

1 comentário:

Anónimo disse...

E já chegou a Portugal ou é uma novidade e não é para breve?
Obrigada, se me pudessem esclareçer.

Cumprimentos
J.B